sexta-feira, 1 de junho de 2012

Hã?

Tenho um ouvido inflamado e estou meio surda. Uma limpeza demasiado bem sucedida, no domingo, fez mazelas.

Só me apercebi que estava inflamado nessa noite, quando me fui deitar e, no silêncio do quarto, comecei a ouvir a máquina da roupa da vizinha a centrifugar em programa delicado - tchuca, tchuca, tchuca (nada de extraordinário, dado que as paredes são finas e ela coloca a máquina a lavar de noite). Só que não era a vizinha, mas era eu, um marulhar no ouvido, um latejar ritmado, que me impossibilitava de dormir.

Consegui uma consulta de otorrino ontem, tendo saído dos Lusíadas às 8 da noite. Sou uma mariquinhas pé-de-salsa, não suporto dor. Mal a médica enfiou o aspirador no belo do ouvido esquerdo, dei um berro e quase saltei da cadeira. Resta estar a anti-inflamatório e a gotas o fim-de-semana e lá regressar segunda de manhã para aspirar a cera que está a pressionar o tímpano.

Até lá, estou proibida de usar os fones. Quando regressar ao estado normal, terei que optar por uns auscultadores-penteado-princesa-Leia.

11 comentários:

  1. Boas melhoras, Margarida.
    Recupera bem.
    As dores nos ouvidos são terríveis.
    bjs

    ResponderEliminar
  2. Desejo te as rápidas melhoras,

    Não podes usar muitas vezes os fones

    Beijinho e Bom fim de Semana

    ResponderEliminar
  3. obrigada, Francisco. não uso, excepto qd tenho que ouvir os vossos vídeos aqui e só no ouvido direito... e o telemóvel tb (o que não me dá jeito nenhum, uso-o com a mão esquerda e habituar-me à direita é difícil, mas não impossível).
    bjs.

    ResponderEliminar
  4. Em primeiro lugar, desejo-te às rápidas melhoras! :/ Nunca tive problemas auditivos, mas imagino o desconforto que causará. A minha irmã mais velha teve imensas otites em bebé, conta-nos a mãe, e sofria imenso! :/ Deve ser horrível. :/
    És como eu: não passas sem a boa da música na rua. :) O pior são mesmo os headphones... Olha, usei auscultadores de aro durante algum tempo e gostei. São confortáveis, apesar de permitirem "fugas" de som. Pelo menos varias. Até dão um certo estilo. :D

    Beijinho e reitero os votos de melhoras. <3

    ResponderEliminar
  5. muito obrigada, Mark. não me lembro de ter tido otites em pequena. esta inflamação é estúpida e tudo por culpa minha. para a próxima, esfrego os ouvidos com os cotovelos, :) cotonetes, jamais!
    pois esses auscultadores estão na mira, o problema é que uso óculos e será mais uma coisa a apertar-me as orelhas delicadas.
    bjs.

    ResponderEliminar
  6. Ahah, sim, sou perfeccionista com a língua portuguesa. :DD Ali, onde se lê "às", dever-se-ia ler "as". Mas que coisa! Geralmente, a teclar, acontece cometermos pequenas gralhas de falta de acentuação; eu, não: coloco acentos onde não deveria! LOL

    :D

    Bj*

    ResponderEliminar
  7. :D e eu, que faço isso tantas vezes... erros por simpatia, o pensamento é veloz e os dedos lentos, depois, tudo mistura-se e escrevo palavras diferentes do que penso... enfim...
    bjs.

    ResponderEliminar
  8. As dores de ouvidos, são juntamente com as dos dentes, aquelas que mais me custam suportar.
    E também eu sou por vezes culpado de algumas "limpezas excessivas" que deixam sequelas.
    Sempre sofri dos ouvidos e quando baixo rapidamente de altitude, posso ter dores imensas, mas limitadas a pouco tempo; daí a usar compulsivamente pastilha elástica(que detesto), durante os voos, tanto nas subidas, mas essencialmente nas descidas, para mexer o maxilar o mais possível.
    Só ao fim de cerca de 20 minutos de cada vez que aterro, os meus ouvidos voltam ao normal.
    Essa aspiração da cera de que falas, é algo incómoda, mas depois vais sentir-te muito aliviada.
    As melhoras rápidas.

    ResponderEliminar
  9. obrigada, João (confesso que gosto muito de pastilhas, mas só compro uma marca - chiclets fire canela, loucura! :D)
    bjs.

    ResponderEliminar
  10. ora eu quero os auscultadores roxos da miúda que está a entrevistar os james. pronto, escolhidos :)

    ResponderEliminar