sexta-feira, 28 de setembro de 2012

A mãe diz

A minha mãe tinha duas expressões castiças. Só ela as dizia e hoje, apenas eu as repito. Ouvi-as centenas de vezes que já nem penso nelas, fogem da boca para fora no momento.

A primeira é "se tivesse um sino partia a cabeça". Serve para ilustrar um comportamento anormal, por exemplo, um colega do trabalho podre de bom que mal fala com os colegas um dia dirige-se a mim, comum mortal, e sorri e cumprimenta e eu, baixinho, "se tivesse um sino partia a cabeça".

A segunda é a resposta à pergunta "o que há para jantar?", mas só aplicada ao meu irmão. Assim, "O que há para jantar?" era respondido com a frase: "bifes de cabeça chata."

Em relação à ultima expressão, há que ter muito cuidado com o homem que a pergunta; se for um amigo de confiança, não há problema; se for o progenitor do namorado é melhor manter a boca fechada.

9 comentários:

  1. ehehehhehehehehehe

    Adorei a do Sino. LOLOLOLOLOL


    Bjs e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  2. faz parte da memória. não consigo deixar de a dizer. :)
    bom fds, bjs.

    ResponderEliminar
  3. nem a avó do francisco sabia estas :)

    ResponderEliminar
  4. A sabedoria da mãe...
    Bjs e bom fds

    ResponderEliminar
  5. Nunca antes as tinha ouvido! Que castiças. :D

    bj :*

    ResponderEliminar
  6. pode ser castiça, mas a última nao é inocente :D
    bjs.

    ResponderEliminar
  7. aha...os bifes de cabeça chta estão a calhar para pessoas que eu conheço...LOL

    Abraço
    BShell

    ResponderEliminar
  8. bem, BlueShell, está à vontade para a usares.
    bjs.

    ResponderEliminar