sábado, 8 de fevereiro de 2014

Notas

'Os rótulos violentam os indivíduos. É impossível tratar o rótulo. Temos de tratar a pessoa por trás do rótulo'.

Irvin D. Yalom, Mentiras no Divã.


Os livros da editora 'Saída de Emergência' têm páginas muito condensadas. Mal dá para tirar notas.


Gatas a analisar o título original deste livro: 'Lying on the Couch'.

14 comentários:

  1. Por acaso também acho. O meu U do abecedario dos livros é da saída de emergência e têm esse problema... as vezes faz doer um pouco a vista...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. imagina as crónicas de gelo e fogo em linhas mais espaçadas. em vez de 600 pp terias umas 900. ainda por cima dividem um livro em 2 volumes...

      Eliminar
    2. oh, não! podiam era ebookar mais barato. afinal, poupam no papel... e só os comprei porque vendiam 2+1 grátis. os próximos serão em ebook, sempre que possível. são demasiadas pp para andar com um livro de um lado para o outro.

      Eliminar
  2. Muito fixe, ter assim uma assistência :D

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Gostei da frase que retiraste Margarida :) Diz tudo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. o autor é um psiquiatra americano. não é uma obra literária, é uma ficção didáctica, no âmbito da psicoterapia. lê-se bem e sempre se aprende alguma coisa. as minhas amigas psicólogas gostaram.

      Eliminar
  4. Às vezes é preferível mais páginas mas com um espaçamento um pouco maior, para dar espaço para os sublinhados e as notas marginais, mas quando gostamos da leitura, isso até passa ao lado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. passa, sim, tenho é que virar o livro de lado para escrever :p

      e ninguém reparou no trocadilho com as gatas? :\

      Eliminar
    2. caramba, é preciso traduzir? :D

      Eliminar
    3. Depois de teres escrito lá atrás, percebi logo, mas não tinha reparado lol

      Eliminar