sábado, 8 de março de 2014

Aristogatos XXIX

Esta, como sabem, é a Joana. Tem treze anos e meia dúzia de meses. Recolhi-a da rua, um dos muitos gatos alimentados pela minha mãe, teria uns cinco, seis meses, estava doente, demasiado pequena para a idade (cabia na palma da minha mão) e os olhos fechados da coriza (ainda hoje tem sequelas).

Foi esterilizada em adulta, o que não impediu que tivesse um cancro mamário, tendo sido operada há uns anos, fez apenas um tratamento de quimio; quando a Bia morreu, perdeu o pêlo quase todo, recuperou uns meses depois e, felizmente, não aconteceu o mesmo com o Farrusco.

Passados estes meses de convivência com as gatas mais novas, finalmente está a aceitar a foca Elvira, mas aos poucos. Uma vez diva, diva para sempre :)



8 comentários: