sábado, 22 de março de 2014

Dia Mundial da Poesia II

Na sequência deste post do Horatius, fui à arrecadação procurar os livros de português do secundário. Encontrei quatro livros. Os da fotografia de cima eram do meu irmão. Ele seguiu a área B - Electrotécnia, julgo, e eu fui para a área D - Estudos Humanísticos. São os dois de baixo. O da esquerda não pertencia ao meu ano - 11.º, mas foi dado por uma colega do meu tio, que era professor noutra escola, e eu também estudava por ele. Não sei o que aconteceu aos meus dois livros do 11.º. Provavelmente, dei-os. O do lado direito é o segundo volume de português do 10.º. Já naquela altura eram dois volumes por disciplina. Agora queixam-se que se gastam balúrdios na escola, mas já naquele tempo era uma fortuna. Eu tive S.A.S.E., mas nem sempre davam os livros, forneciam o material escolar e não pagava propinas, acho. Já não me lembro. Na contracapa dos livros está o preço: 900$00 e 980$00 para os do 11.º. Caríssimos. Façam as contas para dois volumes e mais não sei quantas disciplinas...

 

Antero de Quental foi um dos poetas dados. Claro que não podia deixar de o ser, na área D, o português tinha que ser mais aprofundado. E foi. Um dos manuais reservou-lhe as páginas 182-202.


Agradeço ao Horatius por me ter recordado destes tempos. Eu gostei do secundário. Quando acabei o 12.º ano, saí de Viseu e começou a labuta.

7 comentários:

  1. Eu gostei de ter estudado, mas odeie o Secundário.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. eu não odiei. não fui ostracizada nem sofri de perseguições. a turma era normal. havia grupinhos, eu estudava com algumas colegas, mas não havia grande cumplicidade. havia jantares de turma no fim de cada período nas pizzarias - naquela altura houve um boom de pizzarias lá na terra.
      não tenho amigos desse tempo e nunca mais os vi.

      Eliminar
  2. Eu até gostei muito do secundário, apesar de não ter conservado muitas amizades dessa altura. Tenho os livros todos lá guardados, e os de Inglês ainda foram úteis quando já na universidade decidi que queria ir viver para fora.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. sim, e agora um de português lá de cima está a ser muito útil. terei posts para os próximos dias. :)

      Eliminar
  3. Nos meus tempos, o livro estudado era "Os Lusíadas".
    Ai, dividir aquelas "orações"...

    ResponderEliminar