domingo, 16 de março de 2014

The Wind Rises


O filme realizado pelo grande mestre de animação Hayao Miyazaki é baseado na biografia ficcionada de Jiro Horikoshi, o engenheiro aeronáutico que projectou os aviões japoneses durante a Segunda Guerra Mundial.

O Francisco teve a gentileza de aceitar o meu convite e fomos vê-lo ao cinema São Jorge, no âmbito da Monstra. Sala esgotada, mas conseguimos um bilhete através de uns jovens que tinham comprado dois e estavam a vendê-los à entrada (pelas 4h os bilhetes já estavam esgotados e eu tinha comprado o meu ontem). Depois, fizemos uma caminhada até ao Saldanha, jantámos comida chinesa e partilhámos uma sobremesa caseira :)

14 comentários:

  1. Uma tarde/noite muito bem passada :D

    Temos que repetir mais vezes :)

    Adorei a doçura ;)

    Beijinhos Grandes

    ResponderEliminar
  2. Filmes de animação? Dêem-me os velhos do Walt Disney, por favor...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. todos os filmes deste realizador são obras-primas, João. 'o castelo andante', 'a viagem de chihiro', 'ponyo' são pura magia.
      e este é o último dele, agora vai reformar-se e é, sem dúvida, o melhor. o Japão no início do século passado, os aviões, a música que é linda e há uma referência à 'montanha mágica', de TM.
      eu, de cada vez que vejo o 'bambi' - que tenho - choro baba e ranho quando a mãe dele é morta. é uma das cenas mais violentas de todos os filmes antigos de WD.

      Eliminar
  3. Ainda não vi, mas sou fã de Miyazaki. Princesa Monoke (que pode parecer tão estranho e violento, é daqueles animes mais "à frente" que já vi) e o Castelo Andante (lindo, tão lindo) são dos meus favoritos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :) exacto.
      o castelo andante revejo-o muitas vezes, já que o tenho.

      Eliminar
  4. Respostas
    1. é dentro do centro comercial, o da esquerda, qual é o nome, residence? o que tem piano. tem menús super-baratos.

      Eliminar
    2. deve ser, eu nunca sei os nomes. é o branco da praça.

      Eliminar
    3. É o Atrium, é o único que não tem cinemas. Tem uma livraria que gosto (Bertrand ou Bulhosa, não sei), e um japonês também razoável.

      Eliminar
    4. eu gosto, sim. pois, o que agora tem cinema é o mais abaixo.

      Eliminar