terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Dalila


   Esta é a Dalila. Chegou no domingo à noite. Vivia com o irmão na rua, junto à casa da minha colega, que os alimentava. Tem sete meses (mais ou menos, mas deve ser de Abril. Já está esterilizada). A colega tem uma gata velhota, doente e com um feitio difícil. Não gosta de outros gatos e quando estes se aproximavam, era uma guerra. O irmão foi adoptado. A Dalila ficou para trás.
   E eu apaixonei-me por ela por ser parecida com o Farrusco. É muito meiga. Já brinca com a cana de pesca, embora ainda tenha medo dos outros gatos.
   Agora, aqui vivem a Alice, a Batá, o César, a Dalila e a Elvira. Quando arranjar uma quinta na terra, completo o alfabeto.

20 comentários:

  1. Que sorte teve a Dalila...
    E ela é linda!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. é, não é? estou um bocado preocupada, porque deixei-a sozinha com eles, mas fica enroscada na cama até à noite. espero... hoje comeu meia lata de paté. :) eu estrago-os...

      Eliminar
  2. Eu não te disse, uma vez, que ainda viriam mais amiguinhos? Eu sabia. :) Olha, é fofíssima, aqueles olhos derretem-me, e será, sem dúvida alguma, muito feliz contigo e com os demais gatinhos.

    um beijinho e votos de longa e feliz vida da Dalila!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. pois :) estou destinada a ter 4 gatos :p
      é linda, sim. obrigada, Mark.
      bjs.

      Eliminar
  3. Opá que linda que é a Dalila! :)

    E tem uma dona incrível. ;)

    ResponderEliminar
  4. Parabéns. Que sorte teve a pequena :)

    ResponderEliminar
  5. Coisa mai boa. A minha gata é uma selvagem. Contam-se pelos dedos as vezes que veio para o meu colo...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ela não veio.... peguei nela. ainda não pede colo. aliás, se sair às outras, só virá quando bem lhe apetecer e muito de quando em quando... :p

      Eliminar
  6. Respostas
    1. estava um pouco assustada. mas é muito curiosa, como todos os gatinhos :)

      Eliminar
  7. Um dia ainda vou ter um gato (tenho muito receio de não ser uma boa "dona de gato"; se bem que a bem da verdade, eles é que são nossos donos. ahahahahah)
    Nos últimos tempos, tenho tido contacto com pessoas que têm gatos e adoro ouvir suas histórias. Meus pais sempre colocavam um cãozito no presépio, dentro da cabana; pois, este ano, resolvi juntar um gatito. eheheheh

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. eu vi o gatinho. obrigada pelo bonito gesto :)
      ah, sim, os gatos é que mandam em nós, por muito que julguemos o contrário, eheheh :D

      Eliminar
  8. Tens um coração de oiro

    Tens de arranjar padrinhos para elas, lá se vão as tuas economias :)

    Beijinhos grandes

    P.S - Pena eu não ter um horário com mais disponibilidade

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. padrinhos precisam-se, de facto :p
      mas como eu não tenho grandes vícios (tirando os livros), invisto nos bichanos.
      bjs.

      Eliminar
  9. Margarida, és um coração de manteiga!
    Já alguma vez disse que te admiro muito?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. derreto-me com estes bichos :)
      obrigada, Horatius :)

      Eliminar
    2. Depois de ler o meu comentário, percebi que ele roça um bocado o engate... LOL
      (Margarida, és muito boa rapariga, mas não fazes o meu género xD)
      Beijocas :)

      Eliminar