domingo, 8 de fevereiro de 2015

A Biblioteca da Piscina

   'A Biblioteca da Piscina' não é o primeiro livro de AH que li; contudo, é o retrato mais fidedigno e sem subtilezas da vida de um jovem adulto homossexual na Londres do início dos anos 80. Desde os engates nos urinóis públicos - onde conhece o velho Charles - até ao clube Corry, onde pratica natação e se entretém a engatar outros homens. De Arthur, o adolescente negro, a Phil, o jovem empregado de hotel que se exercita no Corry, este livro descreve sem antolhos os relacionamentos de Will, ao mesmo tempo que, ao ler os diários de Charles, descobre uma perturbante revelação que envolveu a sua família ao abrigo da legislação anti-homossexual dos anos 50 do passado.

8 comentários:

  1. Curioso em desfolhar as páginas :)

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. posso emprestar-to. acho que vais gostar de ler :)
      bjs.

      Eliminar
  2. Eu adorei este livro. Único defeito - ser um "tijolo".

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. eu gostei mais de 'o filho do desconhecido', embora tivesse levado igualmente 4*. e é outro tijolo, sim.

      Eliminar
  3. eu li o Swimming-pool Library há muitos anos (80s? early 90s?) e foi uma espécie de bíblia, ou melhor de roadbook para aprender a compreender um mundo acerca do qual eu não conhecia grande coisa. foi mesmo um livro muito importante para mim. e apesar de ter gostado muito do Linha da BHeleza e do Filho do Desconhecido, não houve amor como o primeiro :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. compreendo-te. sim, para um livro escrito nos anos 80 (é de 89?) serviu de guia para muitos jovens. esqueço-me muitas vezes de olhar para a época em que foi escrito.
      mas o que gosto em AH é a crueza, enfim, será essa a palavra, com que termina todos os seus romances. não há, por assim dizer, 'um happy ending', mas um encaixe na realidade.

      Eliminar