quinta-feira, 18 de junho de 2015

Um São Francisco de Assis burguês

em 'Ciranda de Pedra'.
Pronto, aconselho. Lygia Fagundes Telles caiu no goto.

4 comentários:

  1. Calculo que a ideia nessa passagem fosse do karma, interessante.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. hipocrisia. a segunda parte é interessante, Virgínia é adulta e agora é disputada pelos outros. e ela agora observa-os com outros olhos, críticos, não inocentes como na infância.

      Eliminar
  2. A escrita brasileira é tão informal. Escrevem como que brincando, cantando, muito "a gente" (que também usamos por cá, mas severamente criticado), muita cor, muito samba. Adoro.

    A ideia de reencarnação em animais, excluída pela doutrina espírita, está presente no hinduísmo.

    um beijinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. conseguem transmitir as emoções sem problema. gosto de autores brasileiros, mas das traduções de autores estrangeiros não tanto. como dizes, demasiado informal para o meu gosto.
      bjs.

      Eliminar